http://missionarios.boanova.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/768238Mo__ambique.jpglink
http://missionarios.boanova.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/399617_sMo__ambique1.jpglink
http://missionarios.boanova.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/812008_sAngola1.jpglink
http://missionarios.boanova.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/867587_sAngola2.jpglink
http://missionarios.boanova.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/395244_sAngola3.jpglink
http://missionarios.boanova.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/996574_sAngola5.jpglink
http://missionarios.boanova.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/744963_sJap__o3.jpglink
http://missionarios.boanova.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/749718_sJap__o4.jpglink
http://missionarios.boanova.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/121613_sJap__o7.jpglink
Mocambique1 Angola Angola2 Angola Angola4 Japao1 Japao2 Japao3
Exposição missionária: «Pelos caminhos do mundo»

«Pelos caminhos do mundo» é o título da exposição missionária que há de percorrer diferentes zonas do país.

Vai ser inaugurada a 29 de setembro, pelas 11 horas, na Escola Francisco de Holanda, em Guimarães. Ali permanecerá durante 15 dias.

 

 

 

Esta inauguração é fruto de uma parceria dos Institutos Missionários com o Agrupamento de Escolas Francisco de Holanda.

Às portas do Ano Missionário proposto pela Conferência Episcopal, esta exposição pretende ser motivadora de dinamismos novos na Igreja católica.

Três momentos caraterizam esta exposição:

Um conjunto de roll-ups aponta para o Deus que «faz caminho com as pessoas».

Uma série de objetos, no segundo bloco, abre-se ao encontro de culturas e religiões.

Um terceiro bloco é apresentado, em forma de jogo, na aventura de correr os caminhos do mundo e da missão.

Esta é uma oferta, de entrada livre, dos Institutos que se dedicam à evangelização.

A exposição que estará, em novembro, em Barcelos, integrará a figura de D. António Barroso, missionário em três continentes e antigo bispo do Porto, de quem celebramos este ano 100 anos do seu falecimento.

 

Exposição aberta à diversidade de povos e culturas

«Pelos caminhos do mundo» é o título da exposição missionária que há de percorrer diferentes zonas do país.

Vai ser inaugurada a 29 de setembro, pelas 11 horas, na Escola Francisco de Holanda, em Guimarães. Ali permanecerá durante 15 dias. Esta inauguração é fruto de uma parceria dos Institutos Missionários com o Agrupamento de Escolas Francisco de Holanda.

Às portas do Ano Missionário proposto pela Conferência Episcopal, esta exposição pretende ser motivadora de dinamismos novos na Igreja católica.

Três momentos caraterizam esta exposição:

Um conjunto de roll-ups aponta para o Deus que «faz caminho com as pessoas».

Uma série de objetos, no segundo bloco, abre-se ao encontro de culturas e religiões.

Um terceiro bloco é apresentado, em forma de jogo, na aventura de correr os caminhos do mundo e da missão.

Esta é uma oferta, de entrada livre, dos Institutos que se dedicam à evangelização.

A exposição que estará, em novembro, em Barcelos, integrará a figura de D. António Barroso, missionário em três continentes e antigo bispo do Porto, de quem celebramos este ano 100 anos do seu falecimento.

 

 
 

 
 
 
 
Share