http://missionarios.boanova.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/768238Mo__ambique.jpglink
http://missionarios.boanova.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/399617_sMo__ambique1.jpglink
http://missionarios.boanova.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/812008_sAngola1.jpglink
http://missionarios.boanova.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/867587_sAngola2.jpglink
http://missionarios.boanova.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/395244_sAngola3.jpglink
http://missionarios.boanova.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/996574_sAngola5.jpglink
http://missionarios.boanova.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/744963_sJap__o3.jpglink
http://missionarios.boanova.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/749718_sJap__o4.jpglink
http://missionarios.boanova.pt/components/com_gk3_photoslide/thumbs_big/121613_sJap__o7.jpglink
Mocambique1 Angola Angola2 Angola Angola4 Japao1 Japao2 Japao3
Notícias
Ordenação presbiteral de Rui Ferreira

Dia 02 de Julho, pelas 16h00, no Mosteiro dos Jerónimos, Lisboa, houve ordenações presbiterais e de diáconos permanentes, em cerimónia presidida pelo Senhor Cardeal-Patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente. A par dos quatro novos presbíteros do Patriarcado de Lisboa, também se contou com a ordenação presbiteral do Diácono Rui Ferreira, membro da SMBN.

O P. Rui Jorge Santos Vieira Ferreira, é filho de Carlos António Ferreira e de Maria Helena dos Santos Vieira. Nasceu a 31/03/1981 na freguesia de S. Pedro e S. Tiago, concelho de Torres Vedras, Diocese de Lisboa. Tem Curso de psicologia do Instituto Superior de Psicologia Aplicada. Entrou no Seminário da Boa Nova em 2009. Fez o estágio intermédio na Paróquia de Maria Auxiliadora, em Pemba, Moçambique, no ano de 2013. Terminou o quinquénio teológico em 2016 e é, actualmente, o Director-Adjunto do Ano de Formação em Cernache do Bonjardim.

A casa de Lisboa da SMBN organizou um jantar e acolheu perto de uma centena de pessoas que se quiseram associar ao neo-presbítero neste dia tão importante para o próprio e para a SMBN. Dia 3 de Julho, o P. Rui celebrou a Eucaristia na Capelinha das Aparições em Fátima. No próximo Domingo, dia 9 de julho, celebrará solenemente na paróquia da Silveira, concelho de Torres Vedras, onde moram ao seus pais.

Deus acompanhe a vida e a missão do novo Padre.


 
Santuário de Fátima acolheu a 51ª Peregrinação Missionária

O Santuário de Fátima acolheu nos dias 17 e 18 de junho, a 51ª Peregrinação dos Missionários da Boa Nova, com o lema “Com Maria, sejamos missionários da Alegria”.

Para o Superior Geral da SMBN, o Padre Adelino Ascenso, a Peregrinação Missionária a Fátima deste ano teve uma relevância ainda maior, dado que se celebrou no Centenário das Aparições de Nossa Senhora, após a recente visita da Papa Francisco e a canonização dos pastorinhos Francisco e Jacinta Marto. “Com Maria, sejamos instrumentos de esperança. Neste ano jubilar do Centenário das Aparições, refugiemo-nos sob o manto protetor da Virgem Mãe e peçamos-lhe que nos mostre, sempre, a estrada que nos conduz à contemplação do verdadeiro rosto de Jesus Cristo e nos ajude a «descobrir novamente o rosto jovem e belo da Igreja, que brilha quando é missionária, acolhedora, livre, fiel, pobre de meios e rica no amor» (Papa Francisco). Que os santos Francisco e Jacinta Marto nos guiem no sentido de uma genuína conversão e Francisco Xavier nos dê força para sairmos ao encontro de situações das verdadeiras periferias, não esquecendo que fomos criados para sermos instrumentos de esperança uns para os outros”, escreveu o Superior dos Missionários da Boa Nova.

 

 
Festa Missionária 2017

Sob o lema «Com Maria, missionários da alegria», realizou-se, no dia 4 de Junho, Solenidade do Pentecostes, a Festa Missionária 2017, que teve lugar – como vem sendo hábito – em Cucujães. O dia foi de sol convidativo. Participaram várias centenas de pessoas, de entre colaboradores/as e amigos, vindos de muitas localidades do país. A missa foi presidida pelo Superior Geral, P. Adelino Ascenso, e concelebrada por 14 sacerdotes da SMBN. Marcaram presença também 3 irmãos consagrados e as Missionárias da Boa Nova. Foram convidados para darem o seu testemunho o P. José Alexandre (Bodas de Ouro sacerdotais) e o P. Joaquim Pinho (Bodas de Prata sacerdotais). Foi um dia de comunhão e confraternização que nos deu uma ideia da Igreja descrita por Paulo: «Na verdade, todos nós (…) fomos baptizados num só Espírito, para constituirmos um só Corpo» (1Cor 12,13).


 
Romaria de São Nuno de Santa Maria (Cernache do Bonjardim)

A Romaria de São Nuno de Santa Maria, de 2017, realizou-se, pelo quarto ano consecutivo, em Cernache do Bonjardim, berço do seu nascimento, nos dias 28,29 e 30 de Abril, promovida pela Câmara Municipal da Sertã, Junta da freguesia de Cernache do Bonjardim, Seminário das Missões e paróquia de Cernache do Bonjardim. Revestiu-se este ano de impressionante esplendor na sua dimensão religiosa, cultural e popular. No dia 30, a Missa da festa, na igreja do Seminário, repleta de fiéis, foi presidida pelo Superior geral da SMBN, P.Adelino Ascenso.

Neste ano, participou em grande escala o exército português que deu brilho desusado às celebrações. São Nuno é patrono de vários ramos das forças armadas. O povo acorreu com interesse redobrado. No aspecto cultural vale a pena salientar dois soberbos concertos noturnos na igreja do Seminário completamente cheia: na sexta feira, concerto pela Banda do Exército, destacamento do Porto; no sábado, concerto de canto lírico. De salientar é também o cortejo medieval na tarde de Sábado com recriação de passos da vida de S. Nuno, por 300 jovens.


 
Encontro dos familiares 2017

No dia 25 de Abril realizou-se no Seminário de Valadares o encontro dos familiares dos membros da Sociedade Missionária da Boa Nova. Foi uma festa agradável, organizada em quatro tempos: encontro informativo, celebração da Eucaristia, almoço e romagem à gruta.


 
P. Adelino Ascenso, sobre "Silêncio"

Entrevista ao padre Adelino Ascenso, missionário no Japão, sobre o romance "Silêncio", transmitida no programa Ecclesia na segunda-feira, dia 16/01/2017.

 

Para Shusaku Endo, o silêncio no romance Silêncio não é a ausência de palavras ou da mensagem de Deus em face do sofrimento. O sentido é, sim, que dentro do «silêncio» existe uma voz escondida que devemos aprender a escutar, sinais ocultos que devemos aprender a decifrar. Isto é o murmúrio de Deus por detrás do silêncio.

O autor sugere que o leitor considere a interrelação entre religião e literatura como gémeos siameses sentados em frente um do outro. O julgamento da obra literária de acorco com o ponto de vista teológico é embaraçoso para os escritores. De facto, religião e literatura não são antonímicas mas sim correlativas. Colocam-se questões mutuamente e a literatura expressa competentemente as investigações sobre o homem e sobre a alma, sendo um meio de exprimir o inexprimível e de perceber o sussurro de Deus por detrás do silêncio.

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Seguinte > Final >>

Pág. 1 de 15
 

 
 
 
 
Share